Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Ações de cobrança em condomínios caem 48%

Ações de cobrança de condomínios têm queda de 48% em agosto

Resultado de imagem para ações baixaA mudança nos critérios do Novo Código de Processo Civil fez com que as ações de cobrança de condomínios por falta de pagamento caíssem 48% em agosto, comparadas ao mesmo mês do ano anterior. No total, foram 524 ações contra 1.017 no ano passado. Os números são do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) e divulgados pela Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC). No acumulado dos oito primeiros meses de 2016, foram registradas 2.666 ações, representando queda significativa de 64% se comparado ao mesmo período do ano anterior, que obteve 7.361 ações movidas. Na variação mensal, a alta foi de 36% em comparação com julho, em que foram registradas 384 ações de cobranças.

Ações Locatícias

As ações locatícias tiveram queda de 5% em agosto. No total, foram registradas 1.562 ações, contra 1.645 ações no mês de julho. Os números são do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) e divulgados pela Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC). No acumulado do ano, a queda é de 11%. Nos oito primeiros meses foram registradas 11.436 ações, contra 12.846 no mesmo período do ano passado. Comparado a agosto de 2015, quando foram registradas 1.530 ações, há uma alta de 2,09%. A falta de pagamento de aluguel é o principal motivo das ações, representando 89% do total. As ações ordinárias somaram 6,34%, enquanto as ações Renovatórias e Consignatórias somaram 4,74% e 0,26%, respectivamente.

Fonte: SindicoNet

Encontre-nos no facebook