Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Aspirador e travesseiro especial são aliados contra ácaros

Nariz coçando, coriza, espirros e até lágrimas escorrendo pelos olhos. Basta acumular um pouquinho de poeira em casa que os ácaros se multiplicam e tiram o sono dos moradores, especialmente dos mais alérgicos.

Isso acontece pois a poeira é rica em substâncias que servem de alimento para esses animais, como restos de pele humana, que descamamos constantemente de nosso corpo, explica Michel P. Valim, especialista em ectoparasitos e pesquisador associado do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo. Ele esclarece, ainda, que não são os ácaros que nos causam alergia, e sim componentes presentes em suas fezes e os próprios restos da decomposição destes animais, que são quase invisíveis a olho nu.

ASPIRADOR DE PÓA melhor forma de evitar, ou pelo menos minimizar, os efeitos indesejados causados pelos ácaros é evitar o acúmulo de poeira. Portanto, um dos principais aliados nesse combate é o aspirador de pó. No entanto, é preciso sempre limpar o saco que armazena o poeira, caso contrário o aparelho se tornará uma grande morada para estes animais. Também é preciso ter em mente que jamais será possível eliminar todos os ácaros de um ambiente, mas uma boa limpeza ajuda a reduzir bastante a quantidade destes visitantes indesejados.

“Carpetes e tapetes acumulam muitos destes animais, e devem ser lavados sempre. Já o travesseiro e o colchão podem ser sempre colocados no sol, para eliminar potenciais alimentos para eles. Para completar, as pessoas mais alérgicas precisam buscar produtos antiácaro, que são feitos de um tecido no qual eles não conseguem penetrar”, aconselha Valim.

O especialista explica que, ao contrário do que muitas pessoas pensam, os ácaros não são insetos. “Eles são aracnídeos, porém menores e mais primitivos do que as aranhas. Isso significa que eles têm um par de pinças na boca e não possuem mandíbulas. Como não são capazes de mastigar, se alimentam apenas de líquidos e coisas moles”, diz.

“Eles também se aproveitam de alimentos mal armazenados, como uma farinha que foi usada mas a embalagem não foi fechada direito, ou até mesmo frutas cristalizadas que ficam muito tempo armazenadas”, alerta Valim.

Fonte: Terra

Encontre-nos no facebook