Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Como fazer a manutenção de paredes de tijolo aparente

Mesmo sendo um material bastante resistente, o tijolo aparente merece alguns cuidados para que a sua vida útil se amplie

O tijolo aparente – que nada mais é do que a parede que não foi revestida com reboco ou outro material de acabamento – vem sendo muito usado na hora de construir ou reformar, já que ele é resistente e confere beleza e aconchego ao ambiente, além de ter um custo menor, se comparado a tudo que deve ser feito para dar a estética final em paredes normais. Além disso, esse material, também conhecido como “tijolinho à vista” ou tijolo maciço, garante conforto térmico e acústico.

Presente na arquitetura nacional desde os belíssimos sobrados erguidos no século XX, ele é uma ótima opção tanto para ambientes externos quanto internos, dando charme e versatilidade a sua casa. Porém, é mais comum em áreas externas, principalmente por poder se exposto ao tempo sem sofrer danos.

Por isso, é muito importante que seja feita a manutenção das paredes para manter a qualidade e a beleza do material. Mesmo sendo resistentes, alguns cuidados são necessários. Confira abaixo quais são eles.

Tijolo Aparente.

Limpeza

Cal, lixívia, cloro, vinagre branco e, em casos mais graves e com a devida proteção, amônia e ácido bórico vão mantê-los limpos. Porém, é importante que esses produtos sejam primeiramente dissolvidos em água e depois aplicados nos tijolos, que devem ser posteriormente enxaguados. Se secarem à ação do sol, sem enxágue, terão aspecto esbranquiçado e úmido.

Também é muito importante não deixar que o mofo se estabeleça nos tijolos, ou a estrutura poderá ser danificada, fazendo com que a peça precise ser substituída. Uma boa maneira de prevenir a ação do fungo é com limpezas periódicas, pré-estabelecidas, a fim de que a incidência seja minimizada ou, caso ocorra, se dê em extensões menores.

Impermeabilização

Por serem mais porosos, os tijolos aparentes necessitam de cuidados redobrados e constantes a fim de evitar a alta umidade , os riscos de mofo e as infiltrações – que podem comprometer bastante os tijolos aparentes. Dessa forma, a impermeabilização é uma ótima saída para manter o material protegido.

Existem no mercado vários produtos impermeabilizantes com bases que vão desde vernizes, resinas até silicone. Em alguns casos, o produto altera a cor, mas em outros é tão imperceptível que mal dá para perceber que algum acabamento foi realizado. A preferência costuma ser pelo silicone. A aplicação desses produtos exige uma limpeza anterior e promete ser rápida e prática, além de garantir a durabilidade por muito mais tempo.

Charmosos, bonitos e funcionais, eles dão ar de aconchego e calorosidade aos ambientes e, além de tudo, são bastante versáteis. Com a manutenção e limpeza corretas, são duráveis o suficiente para deixar seu ambiente externo ou interno sempre com aparência de recém reformado.

Na hora de criar uma parede desse tipo, lembre-se que não é uma tarefa fácil. Por isso, recorra a um profissional que entenda do assunto. Ele irá te ajudar a calcular o tamanho ideal e a quantidade de material necessário para fazer o revestimento.

O que você acha dos tijolos aparentes? Acha que são uma boa opção para as paredes de uma casa ou nem tanto? Não deixe de comentar aqui abaixo e nos contar sua opinião.

Fonte: ImovelWeb

Encontre-nos no facebook