Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Como fazer uma horta de temperos na cozinha? Veja dicas

Tenha refeições mais saudáveis, além de um ambiente com aroma e beleza das plantas

Espaços reduzidos, como áreas de serviço, outros mais amplos, como varandas, jardineiras, ou até naquele cantinho subutilizado da cozinha. Não há lugar que não seja ideal para se ter uma horta ou uma mini horta. Elas são uma ótima forma de melhorar os hábitos alimentares, já que temperos e ervas fresquinhas bem ao alcance das mãos fazem um bem danado.

Horta na cozinha facilita o preparo de refeições saudáveis (Foto: Ana Yoshida Arquitetura e Interiores)

Horta na cozinha facilita o preparo de refeições saudáveis (Fotos: Divulgação / Ana Yoshida Arquitetura e Interiores)

“Vale usar a criatividade com os materiais e ter diversos tipos de hortaliças e temperos como manjericão, cebolinha, salsinha, hortelã, erva-doce e alecrim”, sugere a arquiteta Ana Yoshida, da Ana Yoshida Arquitetura e Interiores.

Para que mora em apartamento é só providenciar latinhas, vasos, garrafas ou floreiras para começar o plantio. As mudas devem ser enterradas em um local com profundidade mínima de 15 centímetros, com espaçamento de, no mínimo, 20 cm entre cada tipo de verdura ou tempero. A arquiteta conta que jardineiras e vasos com drenagem, daqueles que não acumulem muita água, são as melhores opções.

Com dicas simples é possível deixar os temperos sempre à mão

“Caso o espaço seja limitado, uma hortinha vertical com bolsas vivas é uma solução. Basta colocar terra por baixo e plantar os temperinhos. Lembre-se de regar sua horta todos os dias, mas sem exagerar na quantidade de água”, ensina.

Algumas lojas de jardinagem ou decoração vendem móveis e objetos destinados à instalação de hortas. Na Tok&Stok, por exemplo, floreiras verticais partem de R$ 252.  Já na Leroy Merlin, uma jardineira de chão, feita de madeira e do tipo retangular, tem preço sugerido de R$ 118. Na mesma rede, as retangulares de plástico custam a partir de R$ 46.

Elegendo o local ideal

A escolha do local da instalação da horta tem de ter ao menos três horas diárias de luz solar. A luz do sol é necessária, principalmente a do sol da manhã.  O uso de fertilizantes químicos ou remédios não é recomendado para uma horta “caseira”. Ana explica que existe no mercado o adubo orgânico que é o mais indicado para o plantio. Ele deve ser aplicado em um intervalo de dois a três meses. Além disso, há algumas soluções caseiras como a borra de café e a casca de ovo, que podem ser utilizadas como adubo na plantação.

Descobrir quais espécies deverão ser plantadas em sua horta é fácil. Tire alguns minutos e pergunte-se quais temperos serão mais úteis na hora de cozinhar, além de levar em consideração quais deles são mais resistentes ao nosso clima. A resposta virá em lindos e saudáveis pés de alecrim, manjericão, hortelã, orégano, tomilho, sálvia, pimenta, tomatinhos, salsão.

Fonte: ZAP Imóveis

Encontre-nos no facebook