Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Como organizar o guarda-roupa de forma inteligente

Organizar o guarda-roupa parece ser uma tarefa difícil, mas com algumas dicas pode se tornar mais fácil do que você imagina!

Sua casa é muito pequena para guardar seus pertences pessoais? Com a correria do dia a dia, você fica sem tempo de organizar suas coisas do jeitinho que gostaria nos armários e guarda-roupas? Ou, quem sabe, você não resiste em comprar uma roupa nova?

Bom, se você respondeu  “sim” a pelo menos uma das perguntas acima, tenha certeza que você não é o único a passar por isso. Com uma rotina agitada, fica cada vez mais difícil deixar o ambiente organizado e funcional, e quando se trata do nosso guarda-roupa, isso se torna mais complicado ainda, já que geralmente é onde a bagunça começa.

Mas, nós queremos te ajudar! Confira nossas dicas que vão não só te ajudar a organizar suas coisas, mas a arrumar seu guarda-roupa de forma inteligente:

1. Coloque tudo para fora

Sim, literalmente, jogue tudo que está no seu guarda-roupa para fora, sem deixar nada no armário. Dessa forma, você consegue ver com mais facilidade a quantidade de roupas e objetos guardados, principalmente aqueles que já estavam no fundo da gaveta, esquecido há meses.

Após isso, comece a separar os itens que serão mantidos e os que serão descartados ou doados. Ah, e não tenha medo de desapegar daquela blusa que você amava há alguns anos, mas que não usa mais ou que não serve. Mantenha roupas que são usadas com frequência, que ainda estejam num bom estado e que caibam bem em você.

Caso ainda sirva, esteja em boas condições, mas você não usa há mais de seis meses, então a melhor opção é doa-la.

Já as peças ruins, rasgadas ou em péssimo estado: jogue fora! Se você não usa mais o item pelo estado em que se encontra, também não servirá para outra pessoa.

Arrumação do guarda roupa

2. Limpeza

Com o armário vazio, passe um pano seco e retire todo o pó acumulado. Depois passe álcool, ou um produto específico para lustrar móveis, antes de guardar suas coisas novamente. Uma boa dica caseira é usar vinagre de vinho branco no lugar do álcool para retirar cheiro de mofo e de “roupa guardada”.

3. Identifique e separe

Passado o momento do “desapego”, separe os itens que você vai manter no guarda-roupa por categorias: camisetas, calças, pijamas, roupas de frio, roupas intimas, além de separar os um espaço para acessórios como cintos, bolsas, calçados e itens pessoais de beleza.

Agrupe os tipos de roupa numa ordem que faça sentido ou que seja mais prática para tirar e devolver ao lugar ao longo do seu dia a dia. Por exemplo: guarde as peças intimas em saquinhos separados, próximos as roupas delicadas. Já os itens mais grossos para o frio separados das roupas de calor. Deixe sempre mais visível as suas peças favoritas, aquelas que você costuma usar mais, ou então deixe combinações que ornam entre si mais próximas.

imagem-817

4. Roupas de cama e roupas de estação

Por hábito popular, geralmente guardamos roupas de cama, como lençóis, edredons e travesseiros extras, nas prateleiras do canto superior do guarda-roupa. O mesmo serve para as roupas pesadas de frio e acessórios de viagem, como malas e sacolas. Isso acontece pois, como são itens que não são usados com muita frequência, acabamos otimizando melhor o nosso espaço ao deixa-los nesses cantos mais inacessíveis. No alto de um guarda-roupa, dificilmente você deixará alguma roupa favorita ou produto de uso diário. Então não desperdice espaço! Use todos os cantinhos do armário, desde a prateleira mais alta a mais baixa.

5. Dobraduras

Um dos maiores vilões na hora de organizar o guarda-roupa são as dobraduras, ou vincos, nas roupas. Apesar de muita gente não gostar, ao dobrar as roupas da maneira correta, você ganha mais espaço e deixa seu armário com uma cara totalmente nova. Não precisa ser perfeito, mas procure dobrar da mesma forma, deixando as peças do mesmo tamanho, para facilitar a organização.

 

6. Cores e tamanhos

Para aqueles que não querem perdem muito tempo escolhendo uma peça e desejam um guarda-roupa mais funcional, procurem optar por organizar as peças por cores, do tom mais escuro para o claro. Você ainda pode separar por comprimentos, como: vestidos longos, vestidos curtos, blusas de manga comprida, blusas sem mangas, o que for mais prático para você, está valendo.

Uma dica extra é colocar mais de uma peça da mesma cor no mesmo cabide, economizando espaço.

7. Acessórios

Quem nunca guardou o cinto na gaveta de roupa intima, ou deixou os cachecóis escondidos no meio das roupas de frio? Pois é, para facilitar, uma ótima dica usar caixas organizadoras para os acessórios pequenos. Os lenços e cachecóis, você pode amarrar nos cabides e para pendurar os cintos, use ganchos especiais .

maneiras-de-organizar-o-closet-1

8. Cabides

O que seria do nosso armário sem eles? Pode ser de madeira, de ferro, colorido ou pretinho básico: a verdade é que cabide é um item essencial no seu guarda-roupa organizado e inteligente. Mas nada de manter cabides quebrados e tortos em uso pois, dependendo da peça de roupa, eles podem danificar o formato e o tecido. E, falando em tecido, para roupas delicadas e que não podem esticar, existem diversos tamanhos de cabides, até mesmo de veludo, que dão uma proteção extra na hora de pendurar.
Coloque-os também sempre virados para a mesma direção. Além de não ficar enroscando um no outro, isso dá uma sensação ainda maior de organização.

imagem-1517

9. Calçados e produtos de beleza

Caso você não tenha uma sapateira fora do guarda-roupas, mas tem espaço sobrando nos cantos inferiores do armário, a dica é evitar deixa-los dentro das caixas de papelão fornecidas pela loja. Elas ocupam espaço e acumulam sujeira. As substitua por caixas organizadoras transparentes e, de preferência, com aberturas para deixar o calçado respirar. Existe ainda a opção de utilizar uma sapateira vertical, em forma de cabide, que suporta calçados de todos os tamanhos, inclusive botas.

Independente de qual dessas opções você escolher, adquira o hábito de limpar os calçados sempre que voltar da rua antes de guardá-los.

10. Manutenção

Você descartou, limpou e arrumou tudo. Agora só falta fazer a manutenção de todo esse processo de organização. Dedique-se ao máximo em manter seus itens no lugar certo, dobrados ou devidamente pendurados, pois são nos pequenos detalhes que vamos começando novamente toda a bagunça. É claro que um deslize ou outro vão acontecer, o importante é não deixar acumular para jogar tudo desarrumado dentro do armário. Organizar um guarda-roupa de forma inteligente fica ainda mais fácil para quem conseguir manter as coisas no seu lugar.

Ufa! É tanta dica que agora só falta você começar a sua própria organização! Vá no seu ritmo, desapegue do que não for usar mais e arrume as coisas da forma que melhor funcionam para você.

Fonte: http://www.imovelweb.com.br

Encontre-nos no facebook