Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Dicas para redução de energia no condomínio

As principais providências a serem adotadas para reduzir o consumo de energia são :

ELEVADORES: Desligar quando possível um dos elevadores nos horários de pouco movimento. Exemplo: 22h às 6 h e das 9h às 17h. Alertar os moradores para que respeitem o número máximo de ocupação, a fim de não sobrecarregá-lo, o que acabara a curto prazo danificando o seu mecanismo. Os elevadores são responsáveis por 30% do consumo.

Ocorrendo o apagão os equipamentos deverão ser desligados. Esse procedimento evitará que caso a energia retorne com voltagem irregular o motor seja afetado.

BOMBAS D’ÁGUA: Poderá ser controlado manualmente o bombeamento de água, evitando o funcionamento continuo. O condomínio deverá ter um funcionário que fique atento ao consumo, para que os moradores não fiquem sem água. As bombas consomem 35% do consumo.

Ocorrendo o apagão os equipamentos deverão ser desligados. Esse procedimento evitará que caso a energia retorne com voltagem irregular o motor seja afetado.

SUBSTITUIÇÃO DAS LÂMPADAS INCANDESCENTES: Trocar todas as lâmpadas possíveis por fluorescentes, que além de consumirem menos energia, possuem maior uma vida útil.

INSTALAR SENSORES DE PRESENÇA: Existem no mercado sensores especiais para cada necessidade. Pode-se encontrar, por exemplo, os que substituem as minuterias, os que cobrem até 20 metros, os que podem ligar até três lâmpadas e cobrir 360º. Os preços variam bastante e deve ser exigido um prazo mínimo de seis meses de garantia. Poderão ser instalados nos halls dos apartamentos, escadas e garagens

GELADEIRAS E FREEZER: Devem permanecer desligados quando não estiverem sendo usados.

Fonte: O Condomínio

Encontre-nos no facebook