Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Mitos e verdades na lavanderia

Deixar de molho, lavar com sabão de coco, torcer as roupas, secar peças ao sol… Será que realmente lavamos nossas roupas da maneira correta? Muitos processos são passados de geração em geração, como técnicas para branquear roupas da época de nossas avós. Porém, é preciso tomar cuidado com os métodos caseiros, pois muitas vezes eles podem danificar a fibra do tecido, danificando a peça em curto ou longo prazo.

A empresária Birgit Marsili, franqueada da Lavasecco – lavanderia premium – conta que a maioria das pessoas comete graves erros no momento de lavar as roupas em casa, seja na máquina ou de modo manual. Um ótimo exemplo são as roupas com detalhes de metal, como fivelas, botões ou aplicações em couro, que, se colocadas na máquina de lavar, podem danificar a peça e inclusive o eletrodoméstico. “O ideal é retirar estes assessórios para tratar a peça separadamente”, frisa Birgit.

lavar roupa 4

Outro erro comum está relacionado às roupas brancas. Geralmente são deixadas de molho e no alvejante, ou então, seguindo a crendice, deixadas ao sol ensaboadas com sabão de coco. “O grande problema dos alvejantes comuns é a presença de cloro na composição, o qual danifica a fibra do tecido, desgastando a roupa mais rapidamente”, explica a franqueada da Lavasecco. Além disso, as roupas não devem ser secas ao sol, independente da cor, pois a luz direta pode interferir na coloração original do tecido. Segundo Birgit, o ideal é secar todas as peças à sombra e algumas, inclusive, devem ser secas na horizontal e não penduradas no varal, como as em lã ou malha que podem esticar. Secadoras também não são indicadas, pois podem encolher os tecidos, não somente na primeira secagem, mas em longo prazo.

A lavagem de calçados, especialmente os tênis, também merece atenção especial. Normalmente as pessoas os deixam de molho com produtos de limpeza, para remover manchas de lama ou outras sujeiras. Há ainda aqueles que colocam o calçado para lavar dentro da máquina. De acordo com Birgit, a limpeza do tênis não dura mais que uma hora. “Deve ser feita manualmente, com escovinhas e produtos específicos e, o mais importante: seco à sombra, se necessário com o auxílio de um ventilador”, aconselha. Tecidos com mofo devem ser lavados, pois só a exposição ao sol não remove o fungo. Dependendo do tecido, mancha ou modelo da roupa vale a pena lavá-la em uma lavanderia, pois existem produtos específicos para cada situação.

Fonte: Paranáshop

Encontre-nos no facebook