Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Saiba como inserir sua coleção na decoração da casa

Descubra como deixar a sua casa ainda mais personalizada

Tampinhas, vinis, pratos, miniaturas de personagens, garrafas, câmeras fotográficas… as possibilidades de objetos colecionáveis são infinitas, tudo depende da identificação de quem vai iniciar uma coleção com um tipo de item específico. Mas, como o tamanho de um acervo também pode variar muito, saber como incluí-lo na decoração da casa é um verdadeiro dilema.

Para a designer de interiores Tássia Pereira, não há segredos ou regras para isso, mas um pequeno truque de harmonização com o ambiente: “a principal dica é colocar a coleção em um espaço de acordo com o que ela se refere. Por exemplo, uma coleção de pratos fica bonita se exposta na cozinha ou sala de almoço e jantar”.

 

Coleção de suculentas
Sobre a melhor forma de posicionar a sua coleção, a designer de interiores aconselha o uso de nichos decorativos (Foto: Reprodução/Pinterest)

 

Além de agregar estilo à decoração, as coleções são perfeitas para serem expostas porque de cara entregam uma parte da personalidade de quem mora ali. Esse tipo de expressão também está na moda e é aprovada pelos profissionais de decoração, conforme ressalta Tássia: “A tendência atual é de trazer para dentro dos ambientes residenciais informações que remetam à história do morador, conferindo sensação de bem-estar e aconchego no final de um dia estressante”.

 

Coleção de livros
A principal dica é colocar a coleção em um espaço de acordo com o que ela se refere (Foto: Reprodução/Pinterest)

 

Sobre a melhor forma de posicionar a sua coleção, a designer de interiores aconselha o uso de nichos decorativos e o investimento em uma iluminação que dê o destaque necessário aos objetos. Você também pendurar ou enquadrar seu acervo, tudo depende do estilo e do tamanho dos itens, mas o melhor é mantê-los sempre juntos, para dar valor ao conjunto como um todo.

Veja alguns exemplos do uso de coleções na decoração:

coleção de canecas
Os apaixonados por canecas podem deixar elas em exposição (Foto: Reprodução/Pinterest)
Coleção de surf
Os surfistas também podem exibir suas coleções (Foto: Reprodução/Pinterest)
coleção de guitarras
Os apaixonados por música também tem suas opções (Foto: Shutterstock)
coleção de máquinas fotográficas
As coleções dizem muito sobre a personalidade (Foto: Reprodução/Pinterest)
Coleção de livros
Os livros rendem boas inspirações (Foto: Reprodução/Pinterest)
Coleção de espelhos
Os espelhos também podem render boas combinações (Foto: Reprodução/Pinterest)

Fonte: ZAP Imóveis

 

Encontre-nos no facebook