Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Saiba quais são os custos de alugar um imóvel

Para alugar um imóvel o locatário deve se planejar financeiramente para não ter surpresas na hora da mudança

Começo de ano e as promessas de casa nova, vida nova, um amor novo… Tudo novo. Mas, para isso é necessário um pouco de planejamento para que possamos fazer tudo com calma. Comprar imóveis nem sempre parece a melhor escolha para algumas pessoas por diversos motivos, seja financeiros ou mesmo de algum planejamento para o restante da vida. Já o aluguel está bem em alta, principalmente pela queda nos preços.

Mas, alugar um imóvel não é simplesmente escolher e entrar. Há muita burocracia por trás disso, que incluem pagamentos e custos extras. E para que o processo seja mais simples de ser entendido, fizemos uma busca detalhada para apresentar todos os gastos na hora de alugar um imóvel. Assim, o seu planejamento pode ser muito mais assertivo e direto. Não perca mais tempo e vá atrás do imóvel dos seus sonhos.

Mobília e mudança

Um dos gastos mais importantes na hora de considerar a locação de um imóvel. Se você já tem uma casa pronta, pode desconsiderar esse gasto, mas se é o seu primeiro imóvel, a mobília certamente vai ser o maior custo na hora de alugar. Por mais simples que ela seja, não tem como evitar altos gastos, como geladeira, fogão, televisão, um computador ou aparelhos que o morador considere importante. Além disso, outros itens como cama, louças, mesas, cadeiras… Tudo isso é importante. E mesmo que você tenha alguns itens, será necessário fazer a mudança.

a1

Depósito caução ou seguro

Não é incomum algumas pessoas não aceitarem fiadores, por isso, sobram poucas alternativas. Uma delas é o seguro aluguel, que tem um custo ou mesmo o depósito de três meses adiantados, que serão devolvidos ao final do contrato, corrigidos pelos juros da poupança. Isso precisará ser negociado com o proprietário. Mas, tenha em mente que se você não tiver um fiador ou o proprietário não aceitar esse tipo de garantia, você terá que desembolsar uma quantia em dinheiro.

a2

Fonte: ImovelWeb

 

Encontre-nos no facebook