Entre em contato por e-mail

Confira nossos artigos e notícias

Conecte-se no Twitter com a Duplique Desembargador!

Download de aplicativos (como o Adobe Reader) e modelos de documentos e formulários

Acompanhe a evolução dos condomínios da Duplique Desembargador!

Conecte-se no Facebook com a Duplique Desembargador!

Conecte-se no Google Plus com a Duplique Desembargador!

Use cimento queimado em pisos e paredes

Revestimento dá personalidade ao ambiente, tem durabilidade e é fácil de limpar

A utilização de cimento queimado dá o aspecto de que paredes e pisos foram mantidos originais, com aparência inacabada, seguindo a tendência do estilo industrial.

“As pessoas estão querendo fugir um pouco dos espaços certinhos, arrumados e decorados. Parece que é antigo e que você está deixando à mostra algo que já veio no imóvel. Cria uma personalidade para o ambiente”, explica a designer Melina Romano.

Cimento queimado pode ser usado em revestimento de parede (Foto: Projeto Milena Romano/ Divulgação)

Cimento queimado pode ser usado em revestimento de parede (Foto: Projeto Milena Romano/ Divulgação)

Segundo a designer, a aplicação deste tipo de revestimento precisa ser feita por mão-de-obra especializada, que pode ser indicada pelas empresas que vendem o produto. Ela utiliza o cimento queimado em seus projetos há cerca de quatro anos e diz que o preço do metro quadrado aplicado varia, atualmente, entre R$ 180 e R$ 250. “Sem ajuda, há grande possibilidade de deixar manchas e emendas”, alerta.

O cimento queimado também pode ser colocado em tetos, escadas, bancos e bancadas de alvenaria ou granito. A versão impermeável pode ser usada para revestir banheiros, inclusive o espaço dentro dos boxes, indica Romano.

As qualidades deste tipo de acabamento são a durabilidade e a facilidade da limpeza, de acordo com a designer. “Não vai perdendo a tonalidade e riscando com o tempo. Acredito que não precisa repassar por uns cinco anos. É muito fácil de limpar, é usado um pano úmido. Quando impermeável, você pode lavar”.

As texturas prontas para uso com efeito de cimento queimado também são uma boa opção, principalmente para quem vai decorar apenas uma parede, comenta Romano. Elas têm um custo menor e o resultado é fiel ao produto original, diz a profissional.

Aplicar cimento queimado no piso dá um visual moderno e facilita a limpeza (Foto: Divulgação Bricolagem Brasil)

Aplicar cimento queimado no piso dá um visual moderno e facilita a limpeza (Foto: Divulgação Bricolagem Brasil)

O cenógrafo Mario Mantovanni, do canal do Youtube “Na casa do Mario”, optou pela textura para revestir uma parede devido à praticidade, pois ele mesmo gosta de fazer reformas no seu apartamento.

“O cimento queimado requer um processo para preparar a mistura. A textura já vem pronta, como se fosse uma massa acrílica. É só aplicar na parede e o resultado fica igual. De zero a cinco, o grau de dificuldade para quem nunca fez é quatro, mas é possível revestir uma parede em um dia”, avalia.

O cenógrafo, entretanto, orienta quem não possui habilidade com obras contratar um profissional para fazer o trabalho, pois é necessário usar uma desempenadeira para aplicar e moldar a massa na parede.

A textura utilizada por ele necessitou da aplicação de um primer, porém existem opções no mercado que não exigem a preparação da parede, comenta Mantovanni. O custo que ele teve para revestir uma área de 5,70 x 2,15 metros foi de R$ 240 (R$ 160 o valor do galão que rende 9 m e um primer que custa R$ 80).

Ele teve a ideia de mudar o visual do seu apartamento após voltar recentemente de Nova York, onde o estilo industrial é popular por causa dos lofts.

“Antigamente, algumas áreas de Nova York foram reurbanizadas e as pessoas foram morar em galpões comerciais, lugares que, teoricamente, não seriam para habitação. As pessoas foram morar e não mudaram a decoração, o que acabou virando estilo”, explica.

Além dos tons de cinzas claros e escuros, existem revestimentos com variações de cores, como bege, roxo, azul e verde. “Desde um ambiente clássico a mais moderno, combina com qualquer decoração. Não tem restrição de estilo”, afirma a designer Milena Romano.

Fonte: ZapImoveis

Encontre-nos no facebook